Manifestação Motociclista

No dia 19 de Junho de 2016 o GAM efectuou mais uma manifestação de desagrado.

Foram muitos os motociclistas que participaram nesta manifestação, que ocorreu em simultâneo e varias cidades do país, Lisboa, Porto, Faro, Funchal e Coimbra.

Motociclistas dirigiram-se à Assembleia da República para entregar um manifesto.

Não estamos contra as inspeções aos motociclos, mas sim à maneira como querem tirar dinheiro aos Motociclistas.

Todos sabemos que o estado dos pneus bem como o sistema de travagem, luzes dos Motociclos tem de estar sempre em primeiro lugar, não é necessário pagar uma quantia para que os centros de inspecções vejam isso, e apenas isso. Por muito inexperiente que seja o Motociclista tem essa noção sempre que anda de Moto.

Eu pergunto: Por que razão os PAPA REFORMAS CIRCULAM NAS ESTRADAS SEM O MINIMO CONHECIMENTO DAS LEIS DE TRÃNSITO?

POR QUE RAZÃO OS PAPA REFORMAS NÃO EFECTUAM INSPECÇÕES?

 

  Basicamente o nosso protesto assenta nestes fundamentos:
1- AS INSPECÇÕES SÃO UMA FARSA. É uma farsa o argumento da segurança com que o governo e os empresários das inspecções tentam justificar as inspecções às motos; as estatísticas não justificam o custo/benefício desta medida, porque apenas menos de 3% dos acidentes com motos acontecem por falha mecânica.

2- TRANSFORMAR TAMBÉM MELHORA. As inspecções vão retirar da estrada todas as motos personalizadas independentemente das alterações terem acrescentado segurança

3- INSPECÇÕES = NEGÓCIO. As “inspecções” são apenas um negócio para os “centros de inspecção” e mais uma fonte de receita para o Estado… não representam nenhuma mais-valia para os cidadãos utentes das estradas.

4- SEM CONSENSO AQUI NEM NA UE. Por falta de consenso, a União Europeia prevê apenas para 2022 a criação de uma norma comunitária de inspecções para as motos; não faz sentido o estado português estar a antecipar-se.

5- DEBATER AS INSPECÇÕES. Vamos trazer para o debate público a generalidade do conceito de “inspecções periódicas obrigatórias” a quaisquer veículos, começando por responsabilizar os “centros de inspecção” pelos veículos inspeccionados.

No Rossio eram muitos os Motociclista que fizeram questão de estar presentes nesta manifestação.

20160619_16595420160619_165933

Este casal Polaco informou-se do que estava acontecer e fez questão de participar na manifestação

20160619_17483520160619_17484020160619_17483120160619_174847

Motociclistas junto à Assembleia da República para entregar um manifesto.

Motos & Motards